Recado da Hannah Pamela


   Eu tinha dois e-mails, mas um deles já estava obsoleto, então eu excluí, porém eu não sabia que as fotos do blog iriam sumir também. Resultado: Perdi todas as imagens das minhas postagens. Para o blog não ficar esteticamente feio, eu preferi arquivar as  postagens e produzir conteúdo novo. Pretendo colocar poemas, textos reflexivos, histórias aleatórias feitas com meus amigos, o que fez muito sucesso, e também fazer alguns vídeos para o YouTube. Em breve as postagens voltarão ao ar. Eu vou refazer as que eu mais gostei e as que deram mais trabalho, como as entrevistas e pesquisas. Então, curtam a Cute But Brutal no Facebook para você ficar sabendo quando terá postagem nova. Obrigada ♥

Oração da Árvore


Oração da Árvore

Tu que passas e ergues para mim o teu braço,
Antes que me faças mal, olha-me bem.
Eu sou o calor do teu lar nas noites frias de inverno;
Eu sou a sombra amiga que tu encontras
Quando caminhas sob o sol de agosto;
E os meus frutos são a frescura apetitosa
Que te sacia a sede nos caminhos.
Eu sou a trave amiga da tua casa,
A tábua da tua mesa, a cama em que tu descansas
E o lenho do teu barco.
Eu sou o cabo da tua enxada, a porta da tua morada,
A madeira o teu berço e o aconchego do teu caixão.
Eu sou o pão da bondade e a flor da beleza.
Tu que passas, olha-me e não me faças mal.

Alberto Veiga Simões




1ª História Aleatória: Unicórnio Fênix Negra



 


  No Facebook eu pedi para que meus amigos completassem a história de acordo com cada comentário. Inicialmente a brincadeira era com frases de apenas cinco palavras, mas percebi que o pessoal estava bastante inspirado e deixei essa regra de lado. Obrigada a todos que participaram! Confiram a história:

   Era uma vez um unicórnio que gostava muito de rosa. E teve um AVC crônico.  Porém, conheceu o grande amor da sua vida. E a partir dali sabia que sua vida mudaria completamente e que era necessário viver. Os dois gostavam de arco-íris. Ele gostava muito de cheddar.  Então ele ficou diabético, mas só de biscoito de polvilho, que não era a sua única paixão, ele gostava também de fígado acebolado. O que o tornava diferente dos outros unicórnios. Afinal, seus companheiros só comiam flores e purpurina. Um dia foi beber água num rio e conheceu uma sereia linda, de cauda rosa. Ficou com vontade de ir falar com a sereia, então foi perguntar o estilo musical dela. Ela disse que gostava de ouvir funk proibidão, porque ela era V1d4 l0k4, também curtia Batekoo e gostava de ouvir reggae, e disse que sofria muito preconceito por seu gosto, mas não ia mudar por causa disso, porém os outros peixes reclamavam da turbulência que acontecia nas aguas quando ela dançava balançando a calda e seu sonho era poder ir pro mar da Jamaica, mas era uma sereia de agua doce... Depois disso o unicórnio criou asas e ninguém o viu... Quando finalmente ele apareceu, já não era mais um unicórnio. Era a Fênix. Ele foi transformado e morreu por dentro para proteger sua amada. E levantou-se das cinzas. E se descobriu travesti: “Priscila a Rainha do Deserto”. Empolgado com a nova vida, fez show em todos os cassinos de Vegas e lá descobriu que realmente sair do armário fez muito bem pra ele e continuou fazendo show por todos os lugares até ser chamado pra entrar no BBB.  Ele conheceu o apresentador do BBB e se matou! Mas surgiu um lorde das trevas Chamado Voldemort, mal o sabia que iria ser professor na HSM.  Lá alguns alunos se revoltaram e saíram por aí tentando consertar o mundo. Só que eles não sabiam que o Lorde das trevas Voldemort queria uma rebelião contra Harry Potter e o unicórnio travesti era o único que sabia o esconderijo dele.... Então o grupo de alunos fez um ritual de renascimento onde o unicórnio travesti voltou a ser heterossexual. Mas ele viu que essa vida não estava legal. Não tinha glamour e voltou a ser travesti e ganhou fama mundial com suas apresentações. Elas fizeram tanto sucesso que ninguém continuou a história do belo unicórnio e ele ficou super triste voltando para sua vida no Brasil e descobriu o que era funk.  Depois de passar muito sofrimento no Brasil ouvindo funk. Ele conheceu metal e ficou super chateado porque não havia escutado esse gênero antes. Conheceu bandas como Rhapsody, Angra, Megadeth e Motörhead. Aprendeu a tocar guitarra, e ficou conhecido como o Unicórnio Fênix Negra tocando com essas bandas pela Europa. Continuou sendo travesti às noites e por isso, quando foi à América do Norte, ganhou emprego em RuPaul's Drag Race como apresentador. Ele e seus colegas se apresentaram no HSM com Lord Voldemort dançando com a sereia. Em seguida ele foi atrás da sua alma gêmea, e acabou descobrindo que sua alma gêmea era um jeguinho imigrante polaco.  Foram morar em Londres e lá ele se apaixonou perdidamente pelas Spice Girls! O sucesso das Spice Girls não durou muito, e por fim, ele conheceu a Beyoncé com quem começou a ser diva também. Porém, além de gostar da diva Bey, lá em Londres conheceram outra diva. A Adele, a qual juraram amor e devoção eterna. O unicórnio e o jeguinho morreram as margens do Tâmisa de patinhas dadas! E foram viver felizes para sempre no céu de unicórnios, cavalos, jeguinhos e seres alados.

Criadores:  Hannah Pamela, Amanda Magalhães, Luca Mura, Eliane Nataline, Elaine Duarte, Luca Leite, Isadora Rocha, Lara Campello, Cris Fonseca, Sil Cesar, Son Izabel, Thawanny Scavelo, Rafael Lira, Bel Baldo, Jordana Freitas, Luanna Mrm, Tuca Almeida e Eduardo Garcez.